Brasil - Portugal - África

Teia Literária

Revista de Estudos Culturais: Brasil - Portugal - África

Meu Diário
06/08/2011 17h32
4 VOZES FEMININAS DE ÁFRICA NA UFRJ


Evento que será realizado no dia 9 de agosto de 2011, às 11h.



Local: Faculdade de Letras, Auditório G1



Cidade Universitária da UFRJ



 



Publicado por Raquel Cristina dos Santos Pereira em 06/08/2011 às 17h32
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
29/06/2011 23h01
MODERNISTA - REVISTA DO INSTITUTO DE ESTUDOS SOBRE O MODERNISMO

MODERNISTA  é a revista do Instituto de Estudos sobre o Modernismo (IEmo) da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

 

Endereço eletrônico:

http://www.iemodernismo.org/Revista.html

 

A vocação científica do IEmo é dar a conhecer textos inéditos de autores modernistas, como temos feito com os de Pessoa, ao longo de uma trintena de livros. Não esquecer que uma boa parte dos textos do espólio pessoano depositado na Biblioteca Nacional ainda está por fixar e os conjuntos a que pertencem, por organizar. Há também que ter em conta o tratamento a dar aos textos ainda na posse da família, de que um recente leilão – uma pequena parte deles – veio revelar a existência.

- Promover a edição crítica das obras já publicadas dos modernistas, vítimas de leituras e organizações incorrectas nas edições em circulação.

- Estudar o Modernismo e a Vanguarda na literatura portuguesa e nas suas ligações europeias e mundiais, constituindo uma ponte entre os estudos literários e os estudos artísticos. De facto, neste movimento complexo estão presentes múltiplas práticas literárias, artísticas e culturais, numa expansão integradora e transversal.

- Estudar, ainda, a linha diacrónica que continua, no século XX, o Modernismo e a Vanguarda, nomeadamente os anos 30, associados à revista presença; o período das Neo-Vanguardas, que se segue à Segunda Guerra Mundial e, sobretudo, ocupa os anos 50 e 60. Os mesmos traços distintivos se encontram ao longo desta «tradição da Vanguarda», ou seja, uma relação forte com os mestres modernistas iniciais, e o diálogo inter-artes praticado sistematicamente.

- Estudar os diálogos transversais entre a literatura, as artes, as ciências e as técnicas no Modernismo português. Partindo da ideia de que o artista-engenheiro não se confina ao Renascimento e ao modelo de Leonardo da Vinci, torna-se premente cartografar as relações entre as áreas do conhecimento que o Modernismo fez conviver.

- Dar a conhecer, através deste seu site - e da revista Modernista, online - não só as investigações em curso dos seus membros como também o que nos nossos domínios se está a fazer no mundo.

Coordenação científica de Teresa  Rita Lopes

 

Fontes: http://www.iemodernismo.org/Revista.html (foto)

                http://www.iemodernismo.org/Investigar.html

 


Publicado por Raquel Cristina dos Santos Pereira em 29/06/2011 às 23h01
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar as fontes mencionadas.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
25/05/2011 22h51
Prêmio Camões 2011

O português Manuel António Pina é o vencedor da 23ª edição do Prêmio Camões. Poeta, cronista, dramaturgo e romancista, Pina tem cerca de 40 obras publicadas. É mais conhecido pela obra dedicada ao público infantil.


O Prêmio Camões foi criado em 1988 pelos governos do Brasil e de Portugal, com o objetivo de estreitar os laços culturais entre os países que falam a língua portuguesa.


Publicado por Raquel Cristina dos Santos Pereira em 25/05/2011 às 22h51
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
25/05/2011 22h23
LANÇAMENTO: O PÓS-PÓS MODERNO: NOVOS CAMINHOS NA PROSA BRASILEIRA

O lançamento do livro: O Pós-Pós: novos caminhos na prosa brasileira, organizado pelo Prof. Dr. Godofredo de Oliveira Neto (UFRJ), acontecerá no próximo sábado, dia 28 de maio de 2011, às 19h, no espaço Multifoco.


Endereço do Espaço Multifoco: Mem de Sá, 126, Lapa - Rio de Janeiro



Publicado por Raquel Cristina dos Santos Pereira em 25/05/2011 às 22h23
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o site: www.teialiteraria.com ). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
25/05/2011 18h57
ADEUS A ABDIAS DO NASCIMENTO, UM DEFENSOR DA IGUALDADE RACIAL

Abdias do Nascimento, destacável defensor na luta pela igualdade racial, faleceu no dia 24 de maio de 2011. A dedicação de Abdias, principalmente na política em lutar pelos direitos dos afrodescendentes lhe rendeu uma indicação ao Prêmio Nobel da Paz em 2010. Fundou o Teatro Experimental do Negro e o Jornal "Quilombo", publicação pioneira na luta pela igualdade racial no país.


Para visualizar a primeira página do jornal "Quilombo", acesse a página: http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/920231-leia-texto-de-abdias-do-nascimento-sobre-o-jornal-quilombo.shtml
 

Fontes:
www.abdias.com.br
http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/920231-leia-texto-de-abdias-do-nascimento-sobre-o-jornal-quilombo.shtml


Publicado por Raquel Cristina dos Santos Pereira em 25/05/2011 às 18h57
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar as fontes descritas.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Página 3 de 18 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]

Site do Escritor criado por Recanto das Letras