Brasil - Portugal - África

Teia Literária

Revista de Estudos Culturais: Brasil - Portugal - África

Textos


ENTREVISTA

Entrevistada: Prof.ª Dr.ª Tânia Pellegrini da Universidade Federal de São Carlos.


        Como os discursos literários dos séculos XX e XXI têm 
          produzido sentidos que influenciam as concepções 
                              identitárias de uma nação?



       Pensando especificamente na literatura brasileira, em primeiro lugar é necessário definir períodos, pois em cada um deles a produção de sentidos se configura de maneiras diferentes. É impossível pensar, por exemplo, que a literatura produzida na primeira metade do século se articule às questões identitárias do mesmo modo que a da segunda metade desse mesmo século. Isso sem falar no século XXI, que mal começou... Dessa forma, é necessário historicizar e, assim, ver-se-á que décadas ou séculos são dimensões temporais apenas didáticas; o que importa são os processos, que se articulam numa relação de causas e conseqüências, com rupturas e continuidades; na verdade, com mais continuidades que rupturas. Isso posto, para simplificar, percebe-se que, por exemplo, a segunda metade do século XX é a conseqüência daquilo que se gestou na primeira, sobretudo as duas grandes guerras, das quais os Estados Unidos brotaram como a nova potência mundial. Esse país, como se sabe, tornou-se a nova fábrica de sentidos: american way of life, imperialismo, neoliberalismo, globalização, cultura de massa... [...]

___________________________________________________________________

       O texto completo da entrevista encontra-se na seção e-books, revista Teia Literária 2.

Raquel Cristina dos Santos Pereira
Enviado por Raquel Cristina dos Santos Pereira em 21/02/2009
Alterado em 25/03/2011
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o autor do texto e o site: www.teialiteraria.com ). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras